8 de Agosto de 2020 |
Última atualização :
Comentamos
Ativista negra se declara inocente e acusa justiça seletiva
14/07/2015
Artista negro do Maranhão é atração com peça teatral em Nova York
Da Redação

Nova York/EUA – Estreou nesta segunda-feira (13/07), e volta a ser apresentada nesta quarta-feira (15/07) e no sábado (18/07), no Hudson Guild Theater, em Nova York, a peça Brother Sou”, escrita e dirigida pelo ator maranhense Victor Vauban Júnior. A peça classificada como gênero realismo social e drama doméstico, aborda temas como o amor fraterno, a violência doméstica, aceitação e coragem.

O título é uma mescla da língua inglesa, e portuguesa, língua também falada em Angola, onde Daniel, um dos personagens principais, cresceu. “Brother Sou", “Brother I am” ou “Irmão de alma” tem a intenção, segundo autor, de levar ao público uma mensagem de consciência sobre dilemas enfrentados pela sociedade moderna.

Carreira

Victor é artista circense, nascido em São Luis e radicado nos Estados Unidos desde 2003. No Brasil, trabalhou com “Os Trapalhões”, “Beto Carrero Show", “Gran-Bartholo Circo” e o “Gran-Circo Norte-Americano”. Nos palcos cariocas, atuou com os bailarinos e coreógrafos Valeria Monã, Charles Nelson, Claudia Ribeiro, Yolanda Demétrio, Gilberto de Assis, Valter Ribeiro e o Mestre de Capoeira Boca Nua, hoje radicado na Itália. Na TV, participou de seriados na extinta TV Manchete e TV Globo. No Teatro atuou com a atriz Neusa Borges e com o diretor Sérgio Brito.

Atualmente em Nova York, Victor faz Faculdade de teatro buscando um diploma em Artes Cênicas, além de dar aulas de Circo em projetos sociais. Frequentemente participa de peças off-Broadway; e quando tem uma folga faz shows de Samba para matar a saudade do Brasil. Para dar continuidade ao trabalho social que já fazia no Brasil, em Nova York, vendo fazendo intensas pesquisas e abordagens relacionadas a cultura Afro-brasileira e americana associadas com à “Diáspora”.

“É importante não esquecermos do nosso passado, de onde viemos e para onde vamos se sonhamos com um futuro decente para o nosso povo. Estou bastante entusiasmado com este novo desdobramento na minha carreira artística, onde posso abordar temas relevantes ao nosso povo. Sempre digo aos meus conterrâneos: vale a pena sonhar e lutar por um ideal. Educação vem sempre em primeiro lugar”, acrescenta.

A Peça

Totalmente escrita em inglês, “Brother Soul” ou “Irmão de Alma” fala da história de dois irmãos que sofrem as atribulações relacionadas ao descaso e abandono infantil. Separados na infância, os dois se reencontram após a morte dos pais, e vinte e dois anos depois da separação. As aflições, angústias e esperanças estão presentes neste antecipado encontro cheio de revelações, frustrações, esperanças e aceitação.

Entusiasmado, o dramaturgo maranhense que também atua na peça como ator, revela: “Esta é a história dos nossos irmãos, nossos pais, nossos amigos e nossos vizinhos. É a história que queremos contar, mas às vezes não encontramos coragem para fazê-lo. Então, o momento é agora. Esta é história que esperamos venha ajudar a despertar a humanidade em uma sociedade acorrentada em valores antigos e preconceitos infundados", acentua.

A veterana atriz Siobhan Alexander encontra-se em estado de êxtase ao falar do seu personagem. “Depois de ler ''Brother Sou'' eu fui instantâneamente atraída pelo personagem Paulette. Eu me emocionei com a sua história e profundamente senti que essa história precisava ser compartilhada. Há muitas pessoas que têm de lidar com esses sentimentos e situações. Elas ainda estão lutando para encontrar aceitação dentro de si, a família, amigos e, infelizmente, na sociedade. Esta peça aborda temas relacionados com a família, amor, perdão e aceitação. Eu sinto que todos nós podemos nos relacionar com isso, como seres humanos, mesmo que nós não possamos estar na mesma situação. Por exemplo, a história poderia facilmente ser interpretatda como uma peça sobre religião, mas não é. Em "Brother Sou", não é difícil entender de onde cada um dos personagens estão vindo e por que eles se sentem tão irredutivéis sobre seus pontos de vista”, complementa.

No elenco também encontra-se Devin Stokes, que interpreta o papel de Paulo (o irmão americano). Stokes é o mais jovem entre os veteranos atores e espera que o público receba com carinho a mensagem que a peça oferece: ''Mantenha a mente aberta e ame com o coração. Pode parecer clichê, mas não é o clichê que torna-se a verdade no final das contas?'', questiona.

A peça, “Brother Sou” estará estará concorrendo a prêmios de melhor peça, melhor atriz e ator no Thepis Theater Festival que acontecera’ em Manhattan (de julho a setembro). A peça voltará a ser apresentada nesta quarta-fera (15/07), às 9h, e no sábado, (18/07), às 15h.

No elenco estão: Victor Vauban Junior, Siobhan Alexander, Shanae Harris and Devin Stokes.

Serviço

The Hudson Guild Theater

441 W 26th St

New York, NY 10001

b/t 10th Ave & 9th Ave 


Artigos Relacionados
"Correndo Atrás", de Jefferson De, é sucesso no Festival de Cinema do Rio
Mantiqueira discute literatura e racismo neste final de semana na FLIMA 2018
Fotógrafo Luiz Moreira faz sua primeira individual em São Paulo
Tia Má solta a língua em show em S. Paulo
Twitter
Facebook
Todos os Direitos Reservados