28 de Outubro de 2020 |
Última atualização :
Comentamos
Ativista negra se declara inocente e acusa justiça seletiva
Mais vistos
03/03/2017
Elisa é homenageada pela passagem do Dia da Mulher
Da Redação

S. Paulo – A professora Elisa Lucas Rodrigues, da Coordenação de Políticas para as Populações Negra e Indígena do Governo do Estado, foi a homenageada da sessão solene realizada pela Câmara Municipal de S. Paulo, ontem, 02 de março, em homenagem ao Dia Internacional da Mulher que é celebrado em todo o mundo no próximo dia 08.

A iniciativa da homenagem foi do vereador Marcus Vinícius de Almeida Ferreira (Quito Formiga), do PSDB. Além de Elisa também receberam homenagens as advogadas Kátia Boulos, Juliana Ogawa e Cármen Dora.

Elisa, que já presidiu o Conselho Estadual de Desenvolvimento da Comunidade Negra do Estado, tem se destacado pela sintonia que mantém com o Palácio dos Bandeirantes e as principais demandas dos negros paulistas.

São Paulo tem a maior população negra do Brasil em números absolutos (cerca de 15 milhões) dos 43 milhões de paulistas (34,6%). Os autodeclarados brancos paulistas são 63,9%. No Brasil, de acordo com o IBGE, os negros representam 54% (53,6%) da população. Os brancos autodeclarados são 45,5%, de acordo com o levantamento do mesmo instituto.

 

 


Artigos Relacionados
Homicídios de pessoas negras cresceu 11,5% em 10 anos
Matulas da Nêga: comida com consciência na pandemia
UniSantos poderá expulsar aluno acusado de racista
América em chamas
Twitter
Facebook
Todos os Direitos Reservados