22 de Outubro de 2017 |
Última atualização :
Comentamos
IV Conferência Regional de Igualdade Racial da Região Metropolitana da Baixada Santista
Mais vistos
11/04/2017
Fernandópolis reúne lideres de religiões de matrizes africanas em encontro regional
Da Redação

Fernandópolis/SP -  O Conselho da Comunidade Negra de Fernandópolis promove nos dias 12 e 13 de maio, o I Encontro Regional de Matrizes Africanas de Fernandópolis, que deve reunir lideranças de toda a região de S. José do Rio Preto para discutir temas como o diálogo com o cristianismo, empoderamento de entidades negras, em palestras, rodas de conversa e oficinas artesanais.

O Encontro, que acontece no Água Viva Thermas Clube (Rodovia Prefeito João Carlos Stuqui - Km 02 - Zona rural, próximo ao Aeroporto) terá apresentações de capoeira com o Grupo Navalha de Ouro, do mestre Jamaika, oficinas de transas e apresentações musicais com Zulaye e Banda.

Segundo o presidente do Conselho, Evandro Luis Inácio, o objetivo do Encontro é ser o primeiro passo para a montagem na região de uma federação própria das regiliões de matrizes africanas. "Estamos muito distantes da capital e todos os eventos que as federações promovem, sequer ficamos sabendo pela distância. Então se tivermos uma federação aqui na região teremos condições de nos unirmos haja visto que os terreiros de candomblé e umbanda ainda tem um certo ranço entre eles. Precisamos ter unão mesmo porque todos nós somos de matrizes africanas e a diferença é o modo de adorar e cultuar nossos ancestrais", afirmou.

Confira a programação

12 de Maio 

9h - Abertura:  Recepção aos integrante e convidados do Encontro de matrizes

9h30h- Café da manhã aos participantes.

10h - Credenciamento

13h30 - Composição da mesa de palestrantes

15h - Palestra tema: Religiões de matriz africana e cristianismo: um diálogo possível? - Palestrante Pai Gilmar de São José do Rio Preto

18h - Culto de adoração ao Sagrado

13 de Maio 

9h - Abertura. Palestra sobre "As tradições de matrizes africanas no Brasil: Território de Descolonização, Empoderamento e Identidade Negras - Pai Sidnei Barreto

11h - Apresentação de Capoeira Grupo Navalha de Ouro - Mestre Jamaika

12h - Oficinas artesanais alusivas ao encontro de matrizes - Contos Afros

Oficina de Transas

13h30 - Roda de Conversa: Tema : O que são as Religiões de Matriz Africana? - Babalorisa Luciano Ty Bessém, de Peruíbe

15h - Apresentação de Dança

16h- Fechamento com  Show artístico Zulaye e Banda

Espaço aberto as considerações finais.

 


Artigos Relacionados
Experiência na delegação afro-brasileira na Conferência das Humanidades
Conversa Literária em Nova York: Teatro negro brasileiro em perspectiva.
1ª Feira Criativa do Jongo de Pinheiral: Resistência é tudo!
Surfando pela liberdade
Twitter
Facebook
Todos os Direitos Reservados