14 de Dezembro de 2018 |
Última atualização :
Comentamos
Manifestações em todo o país pelo Dia da Consciência Negra
31/05/2018
França exonera chefe da coordenação negra, aliada de Alckmin
Da Redação

S. Paulo - A professora Elisa Lucas Rodrigues não comanda mais a Coordenação de Políticas para as Populações Negra e Indígena do Governo de S. Paulo. Ela foi exonerada esta semana do cargo pelo novo governador Márcio França, do PSB. A Coordenação está vinculada a Secretaria de Justiça e Defesa da Cidadania.

Elisa, que é da executiva estadual do PSDB e muito próxima ao ex-governador Geraldo Alckmin, soube da exoneração pelo Diário Oficial do Estado, três dias após entrar de férias, na última quarta-feira (06-06).

A nova chefe da Coordenação, nomeada por França no mesmo decreto que exonerou a ex-titular, é Vânia Maria da Silva Soares, ligada ao deputado Campos Machado e a bancada do PTB.

Elisa, que já foi presidente do Conselho Estadual da Comunidade Negra de São Paulo e tem um trabalho reconhecido de interlocução com lideranças negras do interior, não quis se manifestar a respeito da exoneração do cargo que ocupava desde o início do governo Alckmin.

Segundo Afropress apurou ela deve assumir um cargo ainda não definido na Assembléia Legislativa de S. Paulo, nomeada pela bancada do PSDB.

A nova chefe

Vânia Soares, a nova chefe da Coordenação, é oficial de Justiça aposentada e preside o Conselho da Comunidade Negra de Jaú, que está desativado desde 2.015.

Ao exonerar Elisa, o novo governador Márcio França, que era vice do tucano Geraldo Alckmin – o candidato a presidente pelo PSDB – privilegiou acordos com a bancada do PTB, de quem terá apoio na campanha para continuar no Palácio dos Bandeirantes.

Ele trava uma disputa acirrada com o ex-prefeito de S. Paulo, João Dória, candidato tucano ao governo do Estado. 

 


Artigos Relacionados
Loja da morte da cadelinha é a mesma em que o negro Januário foi torturado
Prefeito de SP assina Plano de Promoção da Igualdade Racial
Discriminação contra negros por seguranças são rotina no Brasil
Museu Felícia Leirner, de Campos, promove oficina com a Comunidade Negra
Twitter
Facebook
Todos os Direitos Reservados