14 de Dezembro de 2018 |
Última atualização :
Comentamos
Manifestações em todo o país pelo Dia da Consciência Negra
06/10/2018
O Brasil é maior do que o abismo. O fenômeno Bolsonaro em Cubatão
Marcelo Ariel

É escritor e poeta

Cubatão está infestada de igrejas evangélicas de linhagem politicamente conservadora, igrejas que durante décadas apoiaram os intervencionistas-torturadores-corruptos e criminosos (VER MAR DE LAMA) do regime militar que mesmo após a abertura democrática continuaram no poder via voto, um fenômeno que explica um pouco a opção pela antidemocracia que fazem hoje, portanto, não é surpresa que lá exista amplo apoio ao fascista Salnorabo e seus discursos e pensamento hediondos.

Uma cidade que vive refém do mais cruel e perverso desenvolvimentismo e de partidos políticos e igrejas evangélicas retrógradas e no caso das igrejas: anticristãs * já que jamais fizeram a opção pelos pobres de fato.

QUANTAS VILAS SOCÓS PRECISAM ACONTECER EM CUBATÃO PARA QUE A CIDADE ACORDE?

Perdão pelo tom desse meu comentário. Saímos de oito anos de um governo incompetente e corrupto do PT , com suas alianças com o pior que havia no município , ignorando totalmente suas bases históricas e culturais, que o PT , em Cubatão fez questão de jogar no lixo e fomos direto para um governo perdido, fraco, sem projetos e alienado do PSDB.

Enfim, é normal que uma parcela da população esteja desencantada, desesperada e hipnotizada pelo canto do ovo da serpente do Salnorabo. Precisamos nos unir, criar e propor um projeto que instaure em Cubatão, algo absolutamente inédito: UMA CIDADE!

Voltando a falar de Macropolítica, VOTO EM CIRO!

Considero Eduardo Suplicy 131, uma das únicas coisas que ficaram de pé, do projeto ético do PT, apesar de ter sido perseguido por oito anos pela (des) gestão petista, algo que foi determinante para que eu, fechasse a casa em Cubatão e me radicasse em São Paulo. Não nutro ódio pelo PT, nem pelos petistas, o papel do PT dentro de uma mudança de paradigmas ainda a se completar, na macropolitica é primordial.

Existem pessoas dignas na politica e um dos maiores desafios do Brasil, é a continuidade e não apenas a ruptura. Luiza Erundina 5021, Chico Alencar 500 são opções dignas também.

Enfim... vamos em frente, a história não anda para trás! Caso o Salnorabo, por uma fatalidade fruto da parvoiçe geral ganhe, ele conhecerá a maior oposição que já houve nas Américas contra um governo e um projeto obscuro e ridículo de retrocesso político. Ou o Brasil avança ou se divide e cai no abismo, mas a história prova que isso é algo improvável, PORQUE O BRASIL É MAIOR DO QUE O ABISMO!

 


"Este artigo reflete as opiniões do autor e não do veículo. A Afropress não se responsabiliza e nem pode ser responsabilizada pelas informações, conceitos ou opiniões do (a) autor (a) ou por eventuais prejuízos de qualquer natureza em decorrência do uso da informações contidas no artigo."
Artigos Relacionados
A colagem de Arya Haliba
O empreendedor Barão de Mauá (1.813-1889)
A generalização como recurso de linguagem e porta para a injustiça
"A Democracia está em risco, acordem!"
Twitter
Facebook
Todos os Direitos Reservados