21 de Setembro de 2019 |
Última atualização :
Comentamos
Ativista negra se declara inocente e acusa justiça seletiva
24/11/2018
Prefeito de SP assina Plano de Promoção da Igualdade Racial
Da Redação

S. Paulo – Como parte das celebrações do Mês da Consciência Negra, o prefeito Bruno Covas assinou nesta sexta-feira (23/11), em solenidade no sexto andar da Prefeitura, o Plano Municipal de Promoção da Igualdade Racial do Município de S. Paulo.

Covas disse que reconhece a existência do racismo em S. Paulo e no país e que é preciso combatê-lo junto com a sociedade. Além do prefeito, estiveram presentes os secretários Eduardo Tuma, Rubens Rizeck e Berenice Gianella. Também participaram do evento a Secretária Executiva Adjunta de Direitos Humanos do município, professora Elisa Lucas, representantes da OAB e membros do Conselho Estadual da Comunidade Negra.

Segundo Elisa, que teve participação ativa nos trabalhos que antecederam o lançamento, o Plano é composto por dez eixos: desenvolvimento, enfrentamento à violência racial, enfrentamento ao racismo e sexismo, saúde da população negra e indígena, inclusão social e cidadania, educação e relações etnicorraciais, cultura e patrimônio africano, afro-brasileiro e indígena, articulação internacional, controle e monitoramento social e comunicação. “Em resumo, o Plano traz todas as demandas da população negra”, acrescenta Elisa.


Artigos Relacionados
Cemitério dos Aflitos, em S. Paulo, será considerado de utilidade pública
Prefeito de São Carlos "premia" acusada de racismo com cargo em Fundação
Como na escravidão, jovem negro é torturado com chibatadas em SP
Ativista negra se declara presa política e acusa justiça seletiva
Twitter
Facebook
Todos os Direitos Reservados