S. Paulo – Os Agentes de Pastoral Negros (APN’s) encaminharam aos deputados que integram a Comissão Especial de Parlamentares, Nota em defesa da aprovação do Estatuto da Igualdade Racial. O projeto – PL 6264/05 – anteriormente pautado para a última quarta-feira, deverá ser votado nesta quarta (26/08) pelos membros da Comissão.
“O presente Estatuto acolhe as principais reivindicações do movimento social negro que tem debatido e refletido, suas necessidades expressando sempre a dimensão racial nas políticas e ações desenvolvidas pelo Estado, e torna-se assim um importante instrumento de combate à discriminação racial e às desigualdades estruturais”, afirma a Nota assinada por Nuno Coelho, coordenador dos APN’s no Estado de S. Paulo.
Os Agentes de Pastoral Negros – entidade ligada à Igreja Católica – estão presentes em 14 Estados da Federação.
Segundo Coelho, é fundamental a aprovação do Projeto “na maneira em que se encontra para darmos prosseguimento a verdadeira construção de um país, justo e solidário onde todos os povos e raças serão partícipes da mesma liberdade constituída pelo Estado democrático”.

Da Redacao