Brasília – A posse de Joaquim Benedito Barbosa Gomes, o primeiro negro a assumir a presidência do Supremo Tribunal Federal, além de autoridades e ativistas, celebridades e artistas.

O ator Milton Gonçalves, um dos primeiros a cumprimentá-lo após a cerimônia, destacou que a história de Barbosa justifica a posse na mais alta Corte do país.

“Ele tem que ser lembrado pela capacidade, pelo raciocínio, por aquilo que ele empregou na juventude, na adolescência, para se tornar um homem dessa importância. Óbvio que, como negro, parceiro dele, mas ele esta lá só por mérito, por mérito, só isso", afirmou.

Segundo a atriz e apresentadora da Globo, Regina Casé, Barbosa “é um exemplo de que o único caminho para lutar contra a desigualdade é a educação”,

Por sua vez, Lázaro Ramos disse que a sua presença e dos artistas à posse se deve ao fato de que o novo presidente do STF está em sintonia com o que a sociedade espera para o país. “Acho que é uma palavra: sabedoria. Porque imagino que a Justiça não seja uma coisa tão simples de se fazer, então tem que ser sábio a cada situação", afirmou.

Já o cantor e compositor Djavan destacou: "É um momento glorioso para mim e por isso estou aqui. Eu queria chegar perto dele e vivenciar tudo isso. Acho que o Brasil está vivendo um momento de glória com o Joaquim na Presidência do Supremo Tribunal Federal. A gente sabe que a Justiça é o senhor do sim e do não numa democracia e ela estando na mão de uma pessoa como o ministro Joaquim Barbosa, eu acho que é um benefício enorme que o Brasil vai ter. É um homem antenado com o Brasil, com as suas necessidades. Teremos um mandato realmente muito profícuo, muito importante para o Brasil".

Também prestigiaram a posse, o piloto Nelson Piquet, a atriz Lucelia Santos e o cantor Martinho da Vila.

Foto: André Ligeiro – Com material das agências de notícias

Da Redacao