Botucatu/SP – O Movimento Brasil Afirmativo, em Botucatu, promove no próximo dia 27, o Seminário Regional para discutir igualdade racial e ações afirmativas, como parte da programação que visa refletir sobre os 120 anos de Abolição não concluída.
O Seminário acontecerá no Centro de Estudos e Pesquisas da Literatura e Cultura Afro-Brasileira e Desenvolvimento Educacional e Social da População Negra de Botucatu, em parceria com as Faculdades Integradas de Botucatu – UNIFAC.
Segundo Conceição Vercesi, presidente da União Cultural Negra de Botucatu e representante do Movimento Brasil Afirmativo na cidade, a proposta é fortalecer a conscientização das pessoas sobre assuntos como igualdade racial, políticas públicas de segurança, educação, saúde, mercado de trabalho e resgate da identidade cultural afro-descendente.
Foram convidados para as palestras, o historiador Luiz Carlos dos Santos, do Museu Afro-Brasil, a educadora Cidinha da Silva, do Instituto Kuanza, e o jornalista Dojival Vieira, editor de Afropress.
O CEPAB é um órgão de pesquisas e tem como objetivo a realização, a divulgação e a orientação de pesquisas na graduação, voltadas para a literatura, cultura e políticas de educação e desenvolvimento social da população negra.
Além de ativistas de Botucatu, Conceição disse que está enviando convite ao Movimento Negro de toda a região, que inclui as 79 cidades mais próximas. A UNIFAC fica na Avenida Leonardo Villas Boas, 351 – Vila Paulista.

Da Redacao