S. Paulo – Respeitar a diversidade e promover a responsabilidade social nas empresas. Com esse objetivo, a Prefeitura de São Paulo – por intermédio da Secretaria Municipal do Trabalho – acertou nesta quarta-feira (27/09) uma parceria com a Bovespa para a divulgação do Pacto pela Valorização e Promoção da Diversidade de Gênero e Raça no Trabalho. O compromisso foi firmado durante reunião com o secretário municipal do trabalho, Gilmar Viana, e o presidente da Bovespa, Raymundo Magliano.
Ao aderir ao pacto, a empresa receberá o “Selo Diversidade da Cidade de São Paulo” em reconhecimento. A medida – inédita no Brasil – está sendo proposta pela Secretaria Municipal do Trabalho por meio da Comissão Intersecretarial de Monitoramento e Gestão da Diversidade (CIM-Diversidade) em parceria com organizações empresariais, sindicais e do terceiro setor. O objetivo do pacto é combater a discriminação – em especial de raça e gênero – no mercado de trabalho. O lançamento do selo deverá ocorrer no dia 22 de novembro.
Segundo um estudo desenvolvido pela Society for Human Resource Management, 63% dos executivos das 500 maiores empresas norte-americanas têm na diversidade um componente que torna o trabalho mais criativo. Se nos Estados Unidos as diferenças são comuns nas empresas, no Brasil a situação é inversa.
Pesquisa realizada pelo Dieese demonstra que o desemprego entre os negros é 51,4% maior que os brancos. Em relação às mulheres, a situação também é desfavorável como mostra pesquisa do IBGE. Em 2004, por exemplo, as mulheres trabalhadoras com até quatro anos de estudo recebiam, por hora, 80,8% do rendimento dos homens com o mesmo nível de escolaridade.

Da Redacao