Munique/S. Paulo – Escrita a quatro mãos pela empresária brasileira Simone Weissmmann, que vive há mais de 20 anos em Munique, e promove um dos eventos mais concorridos da comunidade brasileira na Europa – a Feijoada VIB (Very Important Brazilians) – e da jornalista Angélica Feliciano, radicada em S. Paulo, a Afropress começa a veicular a partir deste mês, a coluna Brasil/Alemanha: Linha Direta.

A coluna pretende ser uma ponte entre o Brasil e a comunidade brasileira que vive naquele país, onde mais de 90 mil brasileiros estão radicados, boa parte deles, negros, segundo dados do Ministério das Relações Exteriores (MRE).

O cenário principal das matérias será Munique, conforme explica Simone, uma baiana, casada com o médico alemão Irving Lenard Weissmann, com quem tem três filhos nascidos naquele país. “Depoimentos sobre a experiência de viver fora do Brasil, sobre a divulgação da nossa arte, histórias de profissionais de sucesso que representam nosso país com responsabilidade na Alemanha, destacando o Brasil de forma muito positiva lá fora, serão alguns dos temas que serão tratados pela coluna”, acrescenta.

Segundo a jornalista Angélica Feliciano (foto), a coluna também buscará destacar dicas para os brasileiros que vivem na Alemanha e os que pensam em viajar e ou viver naquele país.

“A Alemanha é um país referência na Europa e a cidade de Munique é heterogênea. Não raro, nos deparamos com bávaros e suas roupas e bigodes típicos, junto a africanos, brasileiros, turcos, indianos e orientais dividindo o mesmo espaço. Diversas raças e culturas compõem um cenário moderno e multicultural em uma cidade que também lembra uma província antiga”, afirma Angélica, que já viveu alguns anos em Munique e fala fluentemente o alemão.

A coluna Brasil/Alemanha: Linha Direta terá periodicidade quinzenal. “Muitos brasileiros, boa parte,  negros, chegaram, criaram e desenvolveram histórias de sucesso. Nas próximas semanas contaremos um pouco de cada uma delas”, conclui a jornalista.

Da Redação