Campanha chama atenção para o racismo: “Eu pareço suspeito?”