S. Paulo – A Coordenadoria Especial dos Assuntos da População Negra (CONE), órgão criado no âmbito da Secretaria de Participação e Parceria da Prefeitura para tratar das questões relacionadas à população negra paulistana, está acéfala desde 15 de dezembro passado.
O coordenador Mário Côrtes foi exonerado pelo Secretário José Police Neto, o Netinho, e o novo titular ainda não foi designado. A CONE vem perdendo espaço na Administração desde que deixou de pertencer a Secretaria de Governo da Prefeitura, com recursos definidos no orçamento, para integrar a Secretaria de Participação e Parceria.
Desde a exoneração de Côrtes, João Carlos Benício está respondendo interinamente. Além de Côrtes caíram ainda os titulares da Coordenadoria do Idoso e de Participação Social.
Benício não sabe até quando fica no cargo. “O cargo pertence ao Secretário. Penso que ele está ouvindo as demandas das várias correntes para tomar a decisão”, afirmou.
Segundo se comenta na Secretaria, um dos nomes cogitados para assumir a CONE é o jornalista Carlos Cavalcante, que saiu candidato nas eleições de outubro a deputado federal pela coligação PSDB/PFL.

Da Redacao