São Paulo – Com o enredo “Posso ser Inocente, Dobochado e Irreverente… Afinal, sou o Riso dessa Gente!”, e com apenas 0,75 pontos sobre a segunda colocada – a Unidos de Vila Maria – a Escola Mocidade Alegre, do bairro do Limão, é a campeã do Carnaval paulista. O terceiro lugar ficou para a Vai-Vai.
A Mocidade foi a última escola do grupo especial a desfilar na segunda noite, sob o comando do carnavalesco Zilkson Reischeio. Suas cores vermelha e dourada homenagearam os ícones do humor nacional, divididos em 24 alas com cinco carros alegóricos.
Um dos principais destaques da escola foi a rainha da bateria, Nani Moreira, que desfilou com um tamborim nas mãos. No ano passado, ela sofreu queimaduras após um acidente com fogos de artifício instalados em sua fantasia.
Criada em 1967, a escola do bairro do Limão, zona Norte de São Paulo, completa 40 anos de Carnaval e acumula seis títulos no grupo especial em sua trajetória. A Mocidade Alegre havia sido campeã pela última vez em 2004. Unidos do Peruche e Imperador do Ipiranga ficaram em 12º e 13º lugar e foram rebaixadas.
A Escola Mocidade Alegre é presidida por Solange Bichara, de uma tradicional família de sambistas, e durante os ensaios técnicos, abriu a quadra para que o Movimento Brasil Afirmativo recolhesse assinaturas em favor da aprovação do Estatuto da Igualdade Racial, projeto que sintetiza as reivindicações históricas da população negra brasileira, em tramitação há 11 anos no Congresso.
Vila Maria
A segunda colocada, a Unidos de Vila Maria, levou para o sambódromo do Anhembi, a história de Cubatão, cidade que ficou conhecida no mundo como “Vale da Morte”, durante as décadas de 70 e 80.
Com o enredo “Vila Maria: Canta, encanta com minha história… Cubatão, rainha das serras”, composição de Panda, Edmilson Silva, Dom Álvaro e Rick Ramos, e contando com o apoio do Parque Industrial, a escola contou uma história edulcorada da luta ambiental na cidade. Embora, o samba tenha empolgado a avenida, a Escola esqueceu de um detalhe: de contar a participação da luta do povo na reversão do quadro aterrador enfrentado pela população da cidade.
Veja o Resultado final em São Paulo
Apuração encerrada 11h24
1º Mocidade Alegre
2º Unidos de Vila Maria
3º Vai-Vai
4º Império de Casa Verde
5º Águia de Ouro
6º Rosas de Ouro
7º Nenê de Vila Matilde
8º Tom Maior
9º Acadêmicos do Tucuruvi
10º X-9 Paulistana
11º Pérola Negra
12º Unidos do Peruche
13º Imperador do Ipiranga

Da Redacao