Salvador/BA – Nkhosinati Biko, filho do líder sul-africano, Steve Biko, dirigente do Movimento Consciência Negra, morto sob torturas pelo regime do Apartheid, estará nesta quarta-feira (07/03), em Salvador, para falar para aos negros baianos. Ele será recebido no Instituto Cultural Steve Biko, entidade cujo nome homenageia o seu pai, pioneira em cursos pré-vestibulares para estudantes negros, e que desenvolve atividades no campo político e educacional no combate às desigualdades raciais.

Nkhosinati retorna ao Brasil após 5 anos, para divulgar o legado de luta deixado por Biko, que completaria 65 anos em 2012. Em 2007, ele esteve pela primeira vez na Bahia para uma Conferência Internacional que teve como teve: “Biko! Por que Biko: sua história e seu legado”, que aconteceu no Salão Nobre da Reitoria da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Ele é escritor, presidiu a Fundação Steve Biko na África do Sul e tem viajado o mundo fazendo palestras.

Da Redacao