S. Paulo – As entidades e lideranças que fazem parte do Fórum São Paulo da Igualdade Racial se reúnem nesta terça-feira, (07/08), às 19h, na sede da Educafro da Rua Riachuelo, centro, para fazer a primeira contabilidade geral das 100 mil assinaturas em defesa da aprovação do Estatuto da Igualdade Racial e do PL 73/99, que cria cotas nas Universidades. O maior desafio agora é recolher as listas que estão espalhadas, que deverão ser encaminhadas à Educafro.
Segundo Frei Antonio Leandro da Silva, diretor executivo da Rede, a reunião estava inicialmente marcada para a segunda, dia 06/08, porém, foi adiada, tendo em vista a necessidade da presença de todas as lideranças que se comprometeram a coletar assinaturas no ato de lançamento do Fórum no dia 29 de junho.
Frei Leandro disse que está otimista em relação a atingir a meta das 100 mil assinaturas que serão entregues no final do mês aos presidentes da Câmara e do Senado. Paralelamente ao recolhimento das listas que estão espalhadas, o Frei iniciará nesta semana os contatos com os gabinetes do deputado Arlindo Chinaglia e do senador Renan Calheiros, visando a marcação da audiência das assinaturas.
Para isso contará com o apoio do senador Paulo Paim e do deputado Carlos Santana, respectivamente, autor do projeto do Estatuto e presidente da Frente Parlamentar pela Igualdade Racial na Câmara dos Deputados, que já se comprometeram a estar presentes na audiência.
“Estamos otimistas. Nossa Causa é muito justa e esperamos o apoio e a participação de todas as lideranças comprometidas com a defesa do Estatuto na reunião desta terça-feira” finalizou.

Da Redacao