S. Paulo – O Frei Antonio Leandro da Silva, coordenador do Fórum SP da Igualdade Racial, que nos últimos meses esteve à frente da luta pela aprovação do Estatuto, do PL 73/99 e da PEC 02/06, iniciada pelo Movimento Brasil Afirmativo, no ano passado, está deixando a coordenação do Fórum para retornar ao Piauí e Maranhão, onde continuará as pesquisas de campo do seu Curso de Mestrado.
“Não posso negligenciar meus estudos, pois minha Província (a forma de organização dos frades franciscanos no interior da Igreja Católica) exige da minha pessoa responsabilidade e coerência enquanto membro da instituição. Aprendi muito com cada membro do Fórum. Fiz tudo que estava ao meu alcance graças às contribuições de todas as lideranças que representam o Fórum”, disse o Frei, iniciando suas despedidas numa longa carta endereçada as lideranças e entidades. Desde agosto, a direção executiva da Educafro, já vinha sendo ocupada pelo Frei Valnei.
Nesta quinta-feira (06/12), Frei Leandro anunciará os nomes da coordenação que deverá prosseguir a luta pela aprovação do Estatuto. “Vamos melhor nos articularmos interiormente para que, exteriormente, possamos fazer a III Jornada: acompanhar e mobilizar os parlamentares que farão parte da Comissão Especial. Devemos não só conhecer quais serão os parlamentares da Comissão Especial, como também manter, permanentemente, contato para que as discussões sejam acompanhadas e se sintam na obrigação de pautar o Estatuto da Igualdade Racial e o Cotas para a votação no Congresso Nacional”, afirmou.
A saída de Frei Leandro da direção do Fórum está sendo lamentada pelas lideranças, que atribuem a ele e ao seu perfil aglutinador, o avanço na luta pela aprovação do projeto do Estatuto, que estava há anos parado no Congresso.

Da Redacao