Brasília – O jornalista Heraldo Pereira, da Rede Globo de Televisão, entrou com pedido na Justiça do Distrito Federal, para que o jornalista Paulo Henrique Amorim, refaça o texto em que se retrata e providencie nova publicação de anúncios nos jornais Folha e Correio Braziliense, na ação em que processou Amorim por “injúria e racismo”.
No seu site Conversa Afiada, PHA usou termos como “negro de alma branca” para se referir a Pereira. No mês passado, ambos concluíram um acordo em que Amorim concordou em pagar R$ 30 mil a uma instituição e a publicação de um anúncio em cada um dos jornais, para compensar o dano causado pelo uso das expressões.
Segundo Heraldo Pereira, contudo, o texto publicado no Correio foi alterado e na Folha o anúncio só saiu um dia após o prazo e na edição local do Jornal.

Da Redacao