Washington – A senadora Hillary Clinton anuncia neste sábado (07/06), que reconhece a derrota para o senador Barack Obama, na corrida para a indicação do candidato do Partido Democrata que concorrerá nas eleições americanas de 04 de novembro.
A ex-primeira dama era tida como favorita nas prévias do Partido, encerradas na última terça-feira, com a vitória de Obama. O senador atingiu a marca dos 2.118 delegados que garantem sua nomeação, incluídos os superdelegados. A candidatura será confirmada na Convenção Nacional do Partido Democrata, em agosto.
Com isso, Obama será o primeiro negro a disputar à Presidência dos Estados Unidos com chances reais de se tornar o primeiro presidente negro dos EUA.
Chapa dos sonhos
Simpatizantes da ex-primeira dama agora fazem pressão para que seja nomeada candidata a vice, na chamada “chapa dos sonhos”, porém, o senador negro disse que o processo de busca do vice está apenas no começo e deverá seguir seu curso natural.
Ele nomeou uma comissão de alto nível, composta por três colaboradores de confiança, liderada por Caroline Kennedy, filha de John Kennedy (1961-1963), o ex-presidente assassinado, que terão como tarefa elaborar uma lista de prováveis candidatos. A comissão é ainda formada por Eric Holder, ex-membro do Ministério da Justiça durante o Governo de Bill Clinton e James Hohnson, ex-presidente da companhia hipotecária Fannie Mae.
Nesta quinta feira, Obama e Hillary tiveram a primeira reunião depois de confirmada a vitória do senador na corrida democrata. A reunião na casa dos Clinton, teve como objetivo discutir estratégias para a união dos eleitores de ambos divididos na campanha das prévias.
Cumprimentos de Bush
O presidente George W. Bush, cumprimentou Obama pelo triunfo, de acordo acordo com a Agência de Notícias France Press.”O presidente Bush oferece seus cumprimentos ao senador Obama por conseguir a nomeação do partido Democrata em 2008″, disse a porta-voz da Casa Branca Dana Perino, de acordo com a Agência.

Da Redacao