Ivoti/RS – O pastor da Assembléia de Deus, Luiz Antonio Rodrigues da Luz, único negro que viajava no vôo 3054 da TAM, morto no acidente da semana passada, contou durante uma pregação em abril ter tido uma visão sobre “dezenas e centenas de pessoas mortas”.
A revelação foi feita em um Congresso de evangélicos em Camboriú, Santa Catarina. A visão teria ocorrido em fevereiro, logo depois que ele voltou de uma viagem ao Japão. O pastor disse que estava em casa e, após orar, foi deitar e não conseguiu dormir, pois teve segundo sua interpretação um arrebatamento espiritual. “O senhor me arrebatou em espírito. Vi coisas que julguei que nunca poderia ter visto. Eu vi dezenas e centenas de pessoas mortas enroladas em alguma coisa que eu não consegui discernir e que eram levadas para um lugar estranho e escuro”, afirmou o pastor na pregação.
“Mas chegou um momento que eu cheguei no lugar alto e quem estava comigo disse: volta. (…) Porque tem muita coisa para fazer lá em baixo”, completou o pastor que, na ocasião, admitiu que não queria voltar.
O pastor contou ainda aos fiéis ter acordado em prantos “não pela tristeza da experiência” (…), mas porque onde estive estava tão bom e me deu um desespero quando voltei.Não queria voltar de lá”, completou na pregação.
O pastor morto deixou três filhos, de 16, 19 e 22 anos e foi enterrado neste final de semana em Ivoti, Rio Grande do Sul.
Veja o vídeo

http://br.youtube.com/watch?v=VavvQBB6lyo

Da Redacao