Santa Maria/RS – Gabrielli da Silva Pio, de Alvorada, representando o CTG Amaranto Pereira tornou-se a primeira negra gaúcha a conquistar o título de primeira prenda da Ciranda de Prendas, na 38ª edição, do Concurso, disputada em Júlio de Castilhos, na semana passada.
Para a disputa, Gabrielli leu mais de 40 livros sobre tradição gaúcha, História e Geografia do Estado, e também apresentou artesanatos confeccionados com material reciclável e cantou uma música em homenagem a Alvorada.
De tanto ler sobre o Estado, em março deste ano, a jovem decidiu criar o projeto A Tradição e a Educação Ambiental, que mistura temas relacionado ao Estado e à educação ambiental.
Vestida de prenda, Gabrielli e outros integrantes da equipe de Educação Ambiental da Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Smam/Alvorada) percorrem as escolas Idalina de Lima Freitas e Duque de Caxias, e turmas da Casa da Criança de Alvorada.
“Desenvolvo o raciocínio dos alunos trazendo conhecimentos sobre os indígenas, compostagem, chimarrão, Geografia do Rio Grande, Rio Gravataí e vegetação do Estado.
O projeto já envolve cerca de 500 alunos. Nos próximos meses, o projeto pretende envolver mais duas escolas do município ou entidades.

Da Redacao