S. Paulo – A professora Roseli de Oliveira, Mestre em Ciências Sociais pela PUC/SP, será mesmo a titular da Coordenação das Populações Negra e Indígena, criada pelo Governo do Estado, no âmbito da Secretaria da Justiça e Defesa da Cidadania, conforme antecipou a Afropress (veja matéria Serra já tem nome para Coordenação Negra, de 06/07).
O Decreto assinado pelo governador em exercício, o vice Alberto Goldman, com a contratação de Roseli para o cargo de Assistente Técnico, Ref. 12, foi publicado nesta quarta (08/06), no Diário Oficial do Estado. A posse da nova Coordenadora deve acontecer na próxima semana, quando haverá sua nomeação formal por ato interno do secretário Luiz Antonio Marrey (foto).
A estrutura da Coordenação será composta por um Comitê Intersecretarial, que terá como atribuição a discussão de um Plano da Igualadade Racial e de políticas públicas para as populações envolvidas e uma equipe técnica e administrativa.
A nova Coordenadora, que era funcionária lotada na Secretaria de Relações Institucionais do Governo do Estado, dirigida por José Henrique Reis Lobo, coordenou até fevereiro passado, a área dos Conselhos – inclusive o Conselho da Comunidade Negra – agora também transferido por decisão do governador José Serra para a Secretaria da Justiça.
De temperamento considerado forte, ela foi uma das assessoras do ex-secretário da Justiça, Hédio Silva Jr., no final da gestão do ex-governador Cláudio Lembo. A nova coordenadora também fez parte da campanha de Hédio a deputado pelo DEM, porém, se afastou atritada com o ex-secretário.

Da Redacao