Salvador – Salvador sediará na próxima quinta e sexta-feira (22 e 23/10) a III Reunião para Implementação do Plano de Ação Conjunta Brasil-Estados Unidos para a Eliminação da Discriminação Étnico-Racial e Promoção da Igualdade.
O encontro será aberto pelo Ministro da Igualdade Racial, Edson Santos (foto), pela Subsecretária Geral de Política I do Ministério das Relações Exteriores, Embaixadora Vera Lúcia Barrouin Machado, e pelo Subsecretário de Estado adjunto para Assuntos do Hemisfério Ocidental do Departamento de Estado dos EUA, Thomas Shannon.
A reunião marcará mais uma etapa da cooperação bilateral, que envolve a sociedade civil e os setores públicos e privados. Conforme documento assinado em 13 de março de 2008 pelo Ministro Edson Santos e pela então Secretária de Estado dos EUA, Condoleezza Rice, o Plano visa a estabelecer parcerias de longo prazo no combate à desigualdade racial, a partir de cinco
eixos temáticos: educação; trabalho e desenvolvimento econômico; saúde; direitos humanos; e segurança pública e comunidades remanescentes de quilombos.
Intercâmbio Brasil/EUA
A primeira reunião plenária do Grupo Diretor do Plano foi realizada em outubro de 2008, em Brasília. A segunda aconteceu em abril deste ano, em Washington. No encontro de Salvador, o Grupo Diretor – que se reúne a cada seis meses – divulgará as diretrizes para apresentação de propostas de projetos, além de estimular o intercâmbio de experiências e formas de atuação da iniciativa privada.
A reunião terá espaço para a participação de aproximadamente 80 lideranças de movimentos sociais de todo o Brasil, que estarão reunidas desde a véspera (21/10) em Salvador, quando receberão esclarecimentos sobre as metas do Plano e indicarão seus representantes nas futuras discussões dos eixos temáticos.

Da Redacao