Santos/SP – Santos abre neste sábado (13/07) a partir das 9h na Universidade Monte Serrat – Unimonte, Campus Vila Mathias (Rua Comendador Martins, 52), a Plenária Municipal preparatória para a III Conferência Regional da Igualdade Racial da Baixada Santista.

O credenciamento dos participantes se iniciará às 8h e será encerrado às 9h, segundo a Comissão Organizadora. Serão eleitos 17 delegados por Santos que participarão da Conferência Regional marcada para Guarujá nos dias 19 e 20 de julho. A Conferência estadual acontecerá em agosto, em S. Paulo.

Segundo a advogada Tatiana Evangelista, presidente do Conselho Municipal de Participação e Desenvolvimento da Comunidade Negra de Santos e membro da Comissão Organizadora da Conferência Regional, a Plenária de Santos dará início a um rico processo de discussão sobre o tema da igualdade racial.

“Sabemos que as Conferências deveriam ser a porta de entrada de demandas sociais, além de um instrumento de avaliação das políticas que estão sendo desenvolvidas, ou não, pelos governos. Dessa forma, cabe ao Poder Público viabilizar esse processo democrático fornecendo toda infraestrutura e suporte administrativo para que aconteçam. As regras e os encaminhamentos somente serão legítimos, quando partindo da sociedade civil”, afirmou.

Políticas

Ela disse que o processo de preparação da III Conferência Nacional, que acontecerá em Brasília entre os dias 05 e 07 de novembro deste ano, não deve se basear na proposição de políticas como aconteceu nas duas anteriores. “É preciso discutir formas de cobrar do gestor a não implementação do que já foi discutido, ou uma melhor adequação dos programas, políticas e ações que estão implementados, porém, que não funcionam de forma adequada”,assinala.

Segundo Tatiana o mais importante é exigir financiamento para toda a política de igualdade racial. “Se o tema é desenvolvimento não dá para continuar teorizando sobre o papel do Governo na promoção da inclusão e do combate ao racismo. O momento pede efetividade, o que significa dizer vontade política na realização e nas dotações orçamentárias respectivas”, finalizou.

Da Redacao