S. Paulo – A Prefeitura de S. Paulo, por intermédio da Secretaria do Trabalho, em parceria com a sociedade civil, lançará em 22 de novembro o “Selo Diversidade Cidade de S. Paulo”. A iniciativa, que é inédita no país, terá como objetivo conscientizar a sociedade sobre a importância da valorização da diversidade, com o combate a todo tipo de discriminação, em especial de raça e gênero, no mercado de trabalho.
Simultaneamente ao lançamento do Selo, as empresas poderão aderir ao Pacto pela Valorização e Promoção da Diversidade – um conjunto de compromissos públicos a serem firmados pelos empresários, trabalhadores e terceiro setor – cujo cumprimento a sociedade poderá acompanhar.
“O Selo é uma forma de reconhecimento junto às empresas e organizações comprometidas com a diversidade e, conseqüentemente, com a responsabilidade social. A promoção da igualdade de oportunidades e a eliminação de todas as forças de discriminação no trabalho são fundamentais para uma gestão socialmente responsável das administrações públicas, das empresas e de qualquer organização”, explicou o secretário Gilmar Viana.
Em visita ao prédio do Sebrae, em S. Paulo, na última sexta-feira, 22/09, o secretário pediu apoio na divulgação da campanha pela promoção da igualdade de gênero e raça nas micro e pequenas empresas do Estado. “Esse é um assunto que deve ser discutido e implementado pelos empresários que se preocupam com a responsabilidade social”, concordou o diretor-superintendente do Sebrae em S. Paulo, José Luiz Ricca.
O Selo Diversidade de S. Paulo é uma iniciativa da Comissão Intersecretarial de Monitoramento e Gestão da Diversidade (CIM-Diversidade) da Secretaria. A Comissão implementa, em parceria com a OIT e a Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir), o Programa de Fortalecimento Institucional para a Igualdade de Gênero e Raça, Erradicação da Pobreza e Geração de Emprego (GRPE).
Para terem direito ao uso do Selo, as empresas serão convidadas a aderir ao Pacto, cuja minuta elaborada pelo Instituto Ethos de Responsabilidade Social, está sob consulta pública desde o dia 31 de outubro passado.
Após o lançamento do Selo será formado um Comitê quadripartite formado pelo Poder Público, empresários, entidades sindicais e do terceiro setor vinculadas à questão de gênero e raça, que fará o acompanhamento da iniciativa.
No próximo dia 05 de outubro, às 10h30, na Secretaria do Trabalho (Av. S. João, 473 – 8º andar – Galeria Olido), haverá reunião em que as organizações e entidades parceiras da Secretaria na iniciativa concluirão a discussão sobre o Pacto, a data de lançamento do Selo (a proposta é que seja 22/novembro) em evento público de grande visibilidade, e a campanha de comunicação para divulgar a iniciativa. A reunião é aberta a todas as entidades interessadas em conhecer o Selo e aderir ao Pacto.

Da Redacao