Santos/SP – O túmulo do ex-prefeito de Santos Esmeraldo Tarquínio, o único negro a se eleger para a Prefeitura e que foi cassado pelo regime militar, em 1.968, antes de tomar posse, poderá ser tombado. A proposta é do vereador santista Ademir Pestana, do PSDB, e foi apresentada em sessão da Câmara Municipal de Santos desta semana como parte das homenagens ao Dia Nacional da Consciência Negra.

Ele encaminhou requerimento nesse sentido ao prefeito Paulo Alexandre Barbosa, pedindo que o túmulo do ex-prefeito localizado no Cemitério do Paquetá, seja tombado pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Cultural de Santos (Condepasa). Tarquínio morreu em 1.982, às vésperas de sua provável eleição para a Assembléia Legislativa de S. Paulo.

Até sua morte, Tarquínio (foto ao lado) era um líder popular de enorme popularidade. Além de político, era advogado e jornalista.

Na justificativa, Pestana, que preside a Comissão que discute políticas de Promoção da Igualdade Racial e Étnica, disse que o objetivo da proposta é homenagear uma das personalidades mais importantes da política santista nacional.

“O democrata Esmeraldo Tarquínio obteve notoriedade como vereador da cidade e foi eleito prefeito de Santos. Em 1982, perto de uma provável eleição para deputado estadual, foi vitimado por um AVC e, infelizmente, veio a óbito a cinco dias do pleito”, recordou Pestana.

“O reconhecimento de uma vida dedicada às grandes causas materializou-se, por diversas vezes, em homenagens outorgadas pelo Poder Executivo e Legislativo, porém, faz-se necessário mais uma vez eternizar sua história”, acrescentou o parlamentar.

 Luiz Gama

Pestana também apresentou Projeto de Lei propondo a alteração da denominação da Rua Luiz Gama localizada no bairro do Macuco para que passe a se chamar Doutor Luiz Gama.

A iniciativa foi inspirada na OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) que, 133 anos após sua morte, concedeu o título de doutor ao jornalista e líder aboliconista. Gama foi impedido de estudar no Largo São Francisco, de São Paulo, por ser negro.

 

 

 

Da Redacao