S. Paulo – O reitor da Universidade Zumbi dos Palmares, José Vicente (foto), lança nesta sexta-feira, 21 de março, Dia Internacional de Luta Contra a Discriminação Racial, criado pela ONU, o Núcleo de Combate ao Racismo que terá como objetivo sistematizar denúncias de racismo e discriminação na cidade de S. Paulo.

O Núcleo terá uma equipe interdisciplinar composta de professores de Direito, pesquisadores, advogados, sociólogos, antropólogos, alunos e ex-alunos da instituição, que tem 90% dos alunos autodeclarados negros.

O Núcleo, segundo Vicente, vai orientar as vítimas de discriminação e entrar com ações no plano criminal, cível e administrativo. “Hoje, no Brasil, existem núcleos em alguns municípios, mas este é o primeiro criado em uma faculdade”, destacou o reitor.

Medalha do Mérito

Ele também fará a entrega da Medalha do Mérito Cívico Afro Brasileiro à autoridades e personalidades que, na avaliação da Unipalmares, trabalham pela inclusão do negro na sociedade brasileira.

Entre os agraciados com a Medalha, estão o governador de S. Paulo, Geraldo Alckmin, do PSDB, e o prefeito de S. Paulo, Fernando Haddad, do PT, além do presidente da empresa Cargil, Luiz Pretti, entre outros. A cerimônia de entrega das medalhas acontecerá no auditório da Faculdade Zumbi dos Palmares, à Avenida Presidente Castelo Branco, 10.220, no antigo Clube Tietê (antes da Ponte das Bandeiras), a partir das 19h30.

Dia Internacional de Luta contra o racismo

O Dia Internacional de Luta contra a Discriminação foi criado em homenagem às vítimas do massacre ocorrido no bairro Sharpeville, na cidade de Johannesburgo, na África do Sul.

A Polícia do regime do apartheid nesse dia disparou contra homens mulheres e crianças que se reuniram em frente a uma delegacia para reivindicar a extinção da Lei do Passe, que os obrigava a portar cartões de identificação com o registro dos locais por onde podiam circular. O crime do regime ficou conhecido como O Massacre de Sharpeville e motivou a instituição do Dia Internacional de Luta pela Eliminação da Discriminação Racial, pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Crédito das fotos: PTSU

Da Redacao