Zaragoza/Espanha – O prefeito da cidade espanhola de Zaragoza, Juan Alberto Belloch, em carta enviada ao atacante do Barcelona, o camaronês Samuel Eto’o, a fazer uma visita a cidade, a fim de apagar a imagem deixada pela torcida do time, no jogo do último dia 25/02, em que o atleta foi hostilizado com ofensas racistas e ameaçou deixar o campo.
Com a iniciativa, Belloch disse que quer provar a Eto’o que Zaragoza não é racista. “Fiquei tão constrangido que decidi fazer alguma coisa. Gostaria de oferecer a ele, a chance de conhecer de fato as pessoas de minha cidade”.
Na carta enviada ao atleta, o prefeito disse que Zaragoza é “um lugar amigável, aberto, tolerante e multicultural”.
As hostilidades contra Eto’o repercutiram em todo o mundo, em especial, depois que Ronaldinho Gaúcho, colega de clube, pediu um “Basta” ao Racismo no futebol e entidades anti-racistas espanholas pediram que as partidas da rodada deste fim de semana fossem atrasadas em cinco minutos, em sinal de protesto.

Da Redacao